quarta-feira, 16 de junho de 2010

A Saudade é companheira

A SAUDADE É COMPANHEIRA
(Leandro Junior/João Martins)

Cores de lembranças com vida
Vibram amanhã ou mais tarde
Arde o sabor das cantigas
A saudade é companheira

Cabe relembrar as partidas
Vidas hoje se desencontram
Honram, cicatrizam as feridas
A saudade é companheira

Diz que não mas me guia
É pilar, é abrigo
Independe de mim
A vontade do amor

Diz que não mas me guia
Fria paz do encontro
Do que nem se conhece
Mas vital se tornou


Canta Leandro Junior no disco "Na Correnteza".

...

Fiz essa letra bêbado, virado, às 7 da manhã na casa da Clarice Azevedo.
Seu Geraldo tomando seu café e foi lá onde meu amigo Leando Junior mostrou a melodia antes de sairmos pra mais um Pega-Ratão, afinal, por qual outro motivo estaria eu as 7 na casa de alguém?

3 comentários:

Mariana Tupynambá disse...

Ficar bêbada às 7 da manhã na casa dos outros eu consigo. O problema é colocar no papel a inspiração em palavras tão bonitas, rs.

Beijo Jú!

Ronni do Carmo disse...

Deus abençoe esta cachaça!
rsrsrsrsrs...bela obra nego.

Ronni do Carmo

Zac Ramos disse...

Bela letra!!! beba muito e sempre!
depois passa lá e se gostar, me segue! abraços joão!

http://limonadasambadub.blogspot.com/