sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Misticidade





Samba da Cobal do Leblon, 2005 ou 2004?
MISTICIDADE
(João Martins / Leandro Diaz / Machado)

A RAZÃO NOS MANDA OBEDECER
MAS DE CÓR NÃO SEI DIZER
REGRAS PRA AMAR, QUEM DITA?
E SE A NATUREZA CONSPIROU
COM SINAIS DE AMOR
QUE TEM JUÍZO, ENTENDE E ACREDITA

DEIXANDO O VENTO SOPRAR,
VÊ SE AS CHUVAS DE VERÃO
MARÉ TRÁZ PROS SEGREDOS A VERDADE
PRA QUEM QUER PERCEBER
SE JÁ LEVOU RASTEIRA
LEVA A SÉRIO E DA DESCRENÇA NÃO SENTE SAUDADES

SE É MAIS FÁCIL DIZER QUE TUDO É COINCIDÊNCIA
SE PERDE A INOCÊNCIA PRA MALDADE
SE POR CAUSA DA IDADE NÃO SE TEM FANTASIA
NEM SE CRÊ NA MAGIA
VOLTA-SE A SER CRIANÇA PRA SONHAR

DEIXA AS ÁGUAS PASSADAS
MAS SE EXISTEM TOPADAS
NAS NOSSAS CAMINHADAS
É PRA NÃO ESQUECER
DE PEDIR QUE UMA ESTRELA CADENTE
REALIZE OS DESEJOS DA GENTE
BATER PALMA PARA O SOL POENTE AO FIM DA TARDE

VESTE BRANCO PRO ANO QUE VEM
POIS AS SUPERSTIÇÕES QUEM NÃO TEM?
NÃO IMPORTA SE AXÉ OU AMÉM
É MISTICIDADE

TEM GENTE QUE BEIJA CONTENTE A FOTO DE ALGUEM QUE SE ESTÁ COM SAUDADE
TEM GENTE APELANDO PRA FADA GNOMO DUENDE E OUTRAS ENTIDADES
TEM GENTE QUE DÁ TRÊS PULINHOS, PEDE A SÃO LONGUINHO QUE ENCONTRE A VERDADE.
NÃO IMPORTA SE AXÉ OU AMÉM
É MISTICIDADE




...
Ontem mesmo, de uma maneira que me soou bastante irônica me perguntaram: Qual é a graça de fazer um blog e ficar pedindo pra neguinho entrar??

Após contar até 35.000, respondi, de maneira calma, contrariando as expectativas.
Há coisa melhor do que se orgulhar de um feito? De um filho? Eu ainda não tenho filhos (até onde eu sei *rs*), mas composições, poemas, e tudo na relação obra/artista é motivo de orgulho para os "pais"(autores), e tal como os filhos tem que haver o orgulho em mostrar ao mundo o que a gente fez! Irmãos têm sempre ciume um do outro. E essa música seria a irmã mais metida da familia. A que todos elogiam, a que a familia bajula, deixando os irmãos inciumados.

Misticidade foi feita em 2004. Machado, (http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=17038361575283751054 ) grande amigo e também músico nas horas vagas de CETIP e Mangueira, passou aqui em casa pra irmos até a casa do Leandro pra, como o próprio disse, atormentá-lo um pouco. No caminho veio a primeira do Machado:

"FIZ UM SAMBA PRA DIZER, MAS NÃO SEI AO CERTO O QUE", na melodia original, e eu completei com: "...CANSADO DE ME AMARGURAR, E DE SUSTENTAR UM GRANDE AMOR POR ELA".

Parou por ai, até porque ja estávamos na Paula Matos, rua do Lelê. Ao chegar na casa, terreiro de Tia Nerinha, nem cumprimentamos o povo direito, ja foi o trio la pro quarto de música terminar a canção. Ajeita daqui, bota uma melodia de lá, vem o Lelê com a famosa "MARÉÉ nanananananananana"! Também não me lembro pra onde a gente foi, mas fomos embora e eu fiquei com a letra e a melodia. Uma música q era mais pra falar de amor, rumou para outro lado quando, ja de madrugada no silêncio do lar, tornou-se:

"A PAIXÃO NOS MANDA OBEDECER, MAS DE COR NÃO SEI DIZER
REGRAS PRA AMAR, QUEM DITA?(...)"


O resto da música veio rápido, e o Lelê chorou quando eu cantei pra ele ao telefone na tarde seguinte (foi mal véio, tive que falar! Ah mas é isso mesmo... sensibilidade pô! Tá na moda esse negócio de EMO) Uma vez mostramos essa música pra Beth Carvalho, tenho até uma gravação em video disso e ela nos deu uns toques mto importantes. Eu cantava "REGRÁS PRA AMAR" e na parte "VÊ-SE AS CHUVAS DE VERÃO", "VÊ-SE AS CHUVÁS..." Ela: - Chuvás?! Regrás?! Não existe né?! Tem que tomar cuidado com isso, mas tá legal!

E é realmente muito importante adequar a melodia pra que as palavras fiquem na sua fonética correta. Valeu Madrinha pelo toque! rs!
Tempo se passou e em 2006 eu fiz uma gravação dela, e naquela lapidação final, caiu o "A PAIXÃO" pro "A RAZÃO" dando o toque final com mais uns arrebates na harmonia e melodia e o arranjo do meu irmão Inácio Rios (http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=2064603185116036285)

Ta aí, MISTICIDADE!
Palavra que eu fui ver no dicionário se existia. E existe hein?!

misticidade sf (místico+i+dade) 1 Qualidade de místico. 2 O mesmo que misticismo.

Salve o Pai dos Burros!

8 comentários:

Leandro Diaz disse...

É parceiro...quem diria que depois de tanto tempo essa história toda viria à tona. Foi exatamente assim, e tenho orgulho de ter feito esse samba. Me lembro desse dia como se fosse ontem apesar dos quatro anos que se passaram e isso é o que mais vale. Eu só tenho a agradecer pelas palavras e por colocar essa minha filha única (praticamente...) entre as mais queridas. Obrigado pela parceria e que façamos mais algumas pra nos alegrar! Um beijo no coração!

Eugenia disse...

oi amigo!
cá estou eu no seu cafofo...
e me sentindo muito à vontade!
é... quem tem juízo entende e ACREDITA...
Bjão, parabéns pelo espaço!

Daniel Baga disse...

Fala João, parabéns pelo blog!
Ficou muito legal e tem tudo para ficar cada vez mais interessante, basta você continuar a abrir o jogo! rsrsrsrssrrs!!! Um abraço do amigo e eterno incentivador do seu talento brilhante, Bjo Dani.

Paula disse...

Coisita!
Gostei do blog hein!
Sucesso sempre pra você!!!
Continuarei acompanhando seus passos e nos aplausos ;)
Beijosss

Daniel Bahia disse...

Joãozinho...
Essa música é mesmo do caralho e o Lelê é feio na mesma intensidade!
Blog tá irado!!! Vc é o cara!!!
Bjs!
Bahia

Anônimo disse...

falaaaaaaaaaaaaa meu rico lindo tudo bem!?!?!??!!? bicho parei para ver seu bloggg showw de bola eu gosto muito dessa musica e com certesa vou ouvir ela gravada por algum grupo o interprete do nosso samba lembro como se fosse hj eu vc mary inacinho e andre neguinho loucos saido do guanabara paramos ali em frente ao posto vc pegou o banjo verde naquela mochila da wilson e começou a cantar alguns sambas e quando vc cantou essa musica fiquei de bob falei ihhh o cara e bom...rsrsrsr depois vc me mandou pelo msn uma gravaçao dessa musica e sempre que posso escuto ela
irmão saiba que gosto muito de vc bejuuuu no coraçao e continue sempre metendo a sua bossa fuiii!!!! Fabão Negão

Mi disse...

Quem contrariou a existência do blog não sabia o que dizia...

Nalemi ;)

Anônimo disse...

Parabéns João! Essa música realmente é de emocionar!