segunda-feira, 4 de agosto de 2008

HERÓIS E MACACOS
(João Martins / Clarice Azevedo)

Hoje me lembrei daquele tempo
Que vivi ao lado dela
Deu saudade, e que saudade
Deu vontade de ligar pra ela

Macacos me mordam!
Heróis me socorram!
Mas nessa gangorra de amor eu não vou
Por tanta inconstância
Por tanta distância
A intolerância enfim encontrou

Um amor que era bom
Amor generoso
Que já me arrependo de tudo que quis
Heróis e macacos
Já podem ir embora que eu vou ser feliz
Já podem ir embora que eu vou ser feliz!



...

Boa tarde meu povo e minha póva!
Saída do forno sexta feira essa é a mais nova canção da firma e a primeira parceria finalizada com a minha fiel Clarice Azevedo!
Caraca, minha fiel mesmo... o que que a gente ja andou por esse Rio de Janeiro ai não é brincadeira!
Clarice é malandra, boa de onda, e o talento vem de berço; filha do Geraldo Azevedo, conhece tudo de música, sem rótulo....
Não vou ficar enchendo muito a bola dela não senão ela vai ficar cheia de marra... igual ela fica quando perde pra mim na sinuca.

Beijo nêga Clarice!

FOTO: QUINTA FEIRA 31/7 - PRÉ LANÇAMENTO NO ENSAIO GERAL

É isso... mais uma semana começando, mais um mês começando... Caraca ja estamos em agosto!!! Passa rápido minha gente, passa rapido!
Hoje aniversário de mamãe e bolo com postagem é a melhor solução para segundas chuvosas.
Então é isso! Boa segunda, boa semana, bom mês, bom tudo!

beijos
FUI

4 comentários:

Anônimo disse...

Adorei essa letra! Quem não já pasou por isso isso, nÉ?
MAs o melhor foi: "Heróis e macacos/Já podem ir embora que eu vou ser feliz"

Adorei tb a foto e saber q o show foi um sucesso! Quero vê-lo em Niterói... faço coro com a turma "do lado d cá" da ponte...rs

Bjk da MAri
ps: Feliz aniversário para a sua mammy!Paz e Bem em sua vida pra sempre!

Marcelo Amaro disse...

Tive a oportunidade de escutar a composição, muito boa sacada...forte abç, sucesso João!

vanessa disse...

F5
F5
F5...

rs.

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel